Stephen Hawking junta-se ao boicote acadêmico contra Israel

O distinto cientista britânico Stephen Hawking juntou-se ao “boicote acadêmico” contra o regime sionista de Israel, ao negar-se a assistir a uma conferência organizada pelo presidente desse país, Shimon Peres.

O destacado professor da Universidade de Cambridge (Reino Unido) decidiu não participar na conferência, que se realizará de 18 a 20 de junho.

Hawking não anunciou publicamente a sua decisão, mas o Comité Britânico para as Universidades de Palestina informou que o cientista escreveu uma breve carta a Shimon Peres para informá-lo de a mudou de opinião sobre a participação na conferência em virtude do modo como o regime sionista trata os palestinos (pt, palestinianos).

Stephen Hawking

“Foi uma decisão independente, de respeitar o boicote, tendo como base o seu conhecimento da situação na Palestina, e por conselho unânime dos seus próprios contatos acadêmicos daí”, declarou o citado comité.

Deste modo, Hawking juntou-se ao embargo acadêmico contra o regime israelense, organizado pelo Sindicato de Professores de Irlanda e pela Associação de Estudos Asiático-Americanos de Estados Unidos.

Já em 2009 Stephen Hawking tinha condenado a ofensiva de três semanas do regime sionista contra a Faixa de Gaza, declarando que a resposta do regime ao lançamento de foguetes desde Gaza era “claramente desproporcionada. Esta situação é como a situação de África do Sul antes de 1990 e não pode continuar”.

Tradução: SionismoNET

Fonte: http://hispantv.com/detail/2013/05/08/224049/stephen-hawking-suma-boicot-academico-israel

, ,

No comments yet.

Deixe uma resposta