Erdogan declarou que “o sionismo é um crime contra a humanidade”

Fonte: sionismo.net

Quando no início da criação deste site utilizámos o slogan de “Sionismo: crime contra a humanidade”, fomos violentamente atacados por agentes e colaboradores do Mossad que nos classificaram de antissemitas.

Esse elemento vital da “Indústria da Difamação”, de classificar de antssemita a todos aqueles que não partilham da sua ideologia é um método típico, rotineiro e aparentemente bastante eficaz dos agentes do sionismo.

Não somos antissemitas, mas sim profundamente anti-sionistas. Sobre esse assunto sugerimos a leitura dos artigos O que são o Judaísmo, anti-semitismo e sionismo? e Contra o anti-semitismo, contra o sionismo.  

Pois o primeiro-ministro da Turquia, país aliado do regime sionista de Israel e dos EUA, declarou o mesmo perante altas individualidades representantes das nações do mundo.

Erdogan - V Forum ONU Aliança Civilizações - sionismo é um crime contra a humanidade

No quinto fórum da ONU para a Aliança de Civilizações, iniciativa proposta pelo ex orimeiro-ministro do governo de Espanha, Rodríguez Sapateiro, Erdogan declarou:

“Deveríamos nos esforçar por compreender a cultura dos outros, mas em vez disso vemos as pessoas atuarem motivadas porpreconceitos”

“Por isso é necessário considerarmos a islamofobia como un crime contra a humanidade, tal como o sionismo, o antissemitismo ou o fascismo, ”.

Rápidamente, o regime sionista e seus aliados protestaram contra estas declarações, criando uma forte controvérsia diplomática, numa altura em qur o secretário de estadp dos EUA, John Kerry, encontra-se de visita à Turquia.

Benjamín Netanyahu, primeiro-ministro de Israel declarou num comunicado oficial do regime sionista: “Condeno energicamente a comparação que o primeiro-ministro turco fez entre o sionismo e o fascismo”.

Representantes ol departamento de Estado que acompanham John Kerry na sua primeira visita oficial ao estrangeiro, após a posse do seu novo cargo de secretário de estado, consideraram a declaração de Erdogan de “particularmente ofensiva” e de “corrosiva” para as relações entre os EUA e Turquia. extranjero dijeron a los medios que les acompañaban que consideran la comparación de Erdogan “particularmente ofensiva” y que esta puede tener un “efecto corrosivo” para las relaciones entre Turquía y EE UU. Também o porta-voz da Casa Branca, Tommy Vietor, considerou “a caracterização do sionismo como um crime contra a humanidade como ofensiva e incorreta”.

Ban Ki Moon, secretário geral da ONU, após escutar as declarações de Erdogan, aplaudiu e apertou a mão do primeiro-ministro, apesar de que dois dias depois ter declarado através de um comunicado oficial: “se os comentários sobre o sionismo se interpretam de forma correta, não sómente são incorretos, mas também contradizem os princípios básicos da Aliança de Civilizações”.

Como cenário de fundo sobre este tema está a resolução número 3379 da Assembleia Geral das Nações Unidas, aprovada em 1975, que definia “o sionismo como uma forma de racismo e discriminação racial”. Israel, con a ayuda dos EUA, opôs-se energicamente contra essa resolução, tendo imposto a sua revogação, como condição para participar na conferência de paz de Madrid de 1991, o que ocorreu em dezembro daquele ano.

Turquia foi o primeiro país de maioria muçulmana a reconhecer o regime sionista de Israel em 1949. Durante décadas, ambos paises mantiveram fortes laços econômicos e militares. Em 2010, Israel atacou uma flotilha de barcos civis que transportava alimentos e ajuda humanitária a Gaza. Nove ativistas turcos foram assassinados, tendo o governo de Ankara exigido a Israel que pedisse desculpa. O governo sionista negou-se, alegando que os soldados israelenses tinham sido atacados. Ankara mandou regressar o seu embaixador em Telavive e expulsou o embaixador de Israel. Nas últimas semanas, Turquia e Israel tinham iniciado um tímido processo de reconciliação.

Este era a imagem do header antigo deste site:

sionismo crime contra a humanidade

Assista aqui ao vídeo do discurso de Erdogan: http://webtv.un.org/meetings-events/conferencessummits/un-alliance-of-civilizations-5th-global-forum-27-28-february-2013-vienna/watch/recep-tayyip-erdogan-turkey-unaoc-5th-global-forum-vienna-2013-official-opening/2193305959001.

Fonte: sionimo.net

,

No comments yet.

Deixe uma resposta